• Aprendizagem,  Parentalidade consciente

    O dia em que nasce uma mãe, um pai….

    Lembro-me do dia que chegámos a casa depois de a minha filha nascer. O pai disse: ”foi a primeira vez que trouxemos alguma coisa nova para casa e não tivemos de pagar por ela!” Na verdade saímos dois e voltámos três! Bem vistas as coisas, ser pai ou mãe, é a única vez que recebemos o certificado primeiro e apenas depois realizamos o curso. É mesmo isto, nasce o nosso filho e aí nasce também na nossa vida um novo papel o de “mãe” e “pai”. Até que, na maioria das vezes, deixas de ter nome próprio, passas a ser a mãe de… ou o pai de…É no dia dia-a-dia…